Empresários procuram parcerias com o CIDE

Empresários e a equipe de administração do CIDE em reunião

Empresários de diferentes níveis de negócios procuram o Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE) para estabelecer parcerias estratégicas que vão melhorar os meios de divulgação de seus produtos e, consequentemente, as vendas. É o que os especialistas chamam de ganha-ganha.

Na prática, é o caso da Grid Tecnologia, uma empresa posicionada no mercado de Tecnologia. “Hoje nosso nicho de mercado atende as empresas do Polo Industrial de Manaus (PIM), especificamente nas indústrias de manufatura, eletroeletrônico, com equipes que identificam a necessidade e demandas dos nossos clientes, automatizando processos, reestruturando equipamentos e processos para melhorar o processo produtivo”, diz o empresário Ailton Queiroz, que teve uma reunião com a equipe de administradores do CIDE.

A parceria entre empresas ou empresas e instituições não é um conceito novo, mas, na prática, são poucos os que estão dispostos a dar o primeiro passo. Porém, não é o caso da administradora de empresas, Giselane do Vale, que procurou o CIDE para ter informações detalhadas sobre como participar de programas direcionados a Startups (empresas que estão no início de suas atividades e que buscam explorar atividades inovadoras no mercado).

“Já havíamos ouvido falar do apoio do CIDE às empresas como incubadora. Então decidimos colocar nossa ideia em prática, procurando pessoas, consultores com experiência que nos possam auxiliar, orientar e indicar o melhor caminho para que o nosso sonho se torne realidade”, conta a empresária, acrescentando que possui uma empresa física, mas gostaria de entrar no segmento de empresas virtuais.

Empresárias com a consultora do CIDE, Elizabeth Araújo (à direita).

Startups têm nova oportunidade em programa da Samsung no Brasil

Visitantes da Samsung conhecem empresa de doces no CIDE
Visitantes da Samsung conhecem empresa de doces no CIDE

 

O coordenador nacional do Programa de Economia Criativa de Fomento às Startups de Base Tecnológica para a Samsung, empresa multinacional que atua em diversos ramos da área de tecnologia da informação, Antonio Marcon, esteve conhecendo as instalações do Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE), para estabelecer um vínculo mais próximo de colaboração e convidar os empreendedores do segmento de Tecnologia da Informação a participar do programa.

 

Segundo Marcon, o programa foi iniciado há dois anos no Brasil, em colaboração com a Coreia do Sul, e conta com a participação de 12 incubadoras. “Temos 20 startups participando no nosso programa no Brasil. Agora queremos estendê-lo para a Região Amazônica”, diz.

 

Ainda conforme Marcon, no segundo semestre deste ano, uma nova chamada por meio de edital vai acontecer, para aproximar os empreendedores existentes e os novos empreendedores, como estudantes com projetos em fase de amadurecimento. “Esperamos que o edital esteja preparado para junho. As startups contempladas vão receber uma bolsa de aproximadamente 250 mil reais para investimentos e processo de incubação inicial de nove meses”, diz, destacando que a Samsung vai oferecer mentoria, apoio tecnológico, canais de colaboração e de distribuição com o mercado, além da estrutura oferecidas pelas incubadoras participantes.

Os interessados em participar da nova chamada devem acessar o seguinte endereço eletrônico:

www.anprotec.org.br/Samsung

Equipe técnica do CIDE acompanha visitantes da Samsung
Equipe técnica do CIDE acompanha visitantes da Samsung

 

Visitantes conversam com empresário do CIDE
Visitantes conversam com empresário do CIDE

 

Visitantes na empresa de licores Sohervas da Amazônia
Visitantes na empresa de licores Sohervas da Amazônia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O lado humano da Tecnologia da Informação

A AXM atua no segmento de Desenvolvimento de Sistemas
A AXM atua no segmento de Desenvolvimento de Sistemas

 

A AXM, do segmento de Tecnologia da Informação e associada ao Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE), é um excelente exemplo de empresa que estende uma mão aos jovens empreendedores de Startups; se preocupa com a formação de novos profissionais, dando consultoria e treinamentos, e com os descartes de máquinas leitoras de cartão de crédito, oferecendo opções de troca por modelos mais modernos.

 

Segundo a proprietária e administradora de empresas, Adriana Ximenes, as oportunidades e os conhecimentos das demandas das firmas multinacionais do Polo Industrial de Manaus a levaram a constituir a própria empresa. “Eu sempre trabalhei na área industrial. Depois de muito tempo, analisando perfis de consultores e de outros profissionais da área, eu decidi abrir minha própria empresa em 2009, prestando serviços de treinamentos sobre Lei de Informática para empresas e instituições”, conta.

 

Ainda conforme Ximenes, em 2015, a AXM viu a oportunidade de atuar na área de Desenvolvimento de Sistemas. “Começamos a desenvolver projetos e produtos inovadores na área de Tecnologia da Informação e Automação Comercial em parceria com empresas e o Cide. Para nós, foi um ano muito próspero”, diz a administradora de empresas.

 

Reuso do equipamento

Em tempos de fazer economia e busca da eficiência no desenvolvimento dos trabalhos, a AXM desenvolveu em parceria com outra empresa, um projeto de rastreamento de equipamentos leitores de cartão, as conhecidas máquinas de cartão de crédito.

 

“Hoje em dia, a tecnologia presente nessas máquinas de cartão está em constante mudança para melhor. Então, é necessário a atualização das máquinas leitoras e, portanto, a substituição do aparelho. Para que elas não sejam jogadas em lixo comum, nós desenvolvemos uma plataforma em que o fabricante das máquinas recolhe esses produtos, dando condições para que o usuário, o comerciante possa adquirir uma máquina nova e atualizada”, explica Ximenes.

Para saber mais: www.axmconsultoria.com e redes sociais

A proprietária de AXM, Adriana Ximenes, e funcionários de multinacionais
A proprietária de AXM, Adriana Ximenes, e funcionários de multinacionais

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Associada ao Cide é caso de sucesso em evento

Representante da TAP4 fala para estudantes do SENAI.
Representante da TAP4 fala para estudantes do SENAI.

 

A TAP4, empresa de tecnologia da informação, associada ao Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE), foi apresentada, ontem, 6, como caso de sucesso de empreendedorismo, na apresentação do Sistema de Incubação Acelerada de Projetos, Soluções e Empreendimentos (programa Sinapse) da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), realizado no auditório do Serviço Nacional da Indústria (Senai).

 

Durante o evento, o diretor executivo do CIDE, José Barbosa Grosso, apresentou a empresa de tecnologia aos estudantes e convidados. “A TAP4, esteve instalada na nossa incubadora. Portanto, para mim, foi uma alegria enorme apresentá-la como um caso de sucesso”, disse.

O coordenador institucional do SINAPSE, Rogério de Souza, voltou a incentivar os estudantes a colocar em prática as boas ideias e a inscrevê-las no programa, incentivando o empreendedorismo no Amazonas. As inscrições podem ser feitas por meio do endereço eletrônico www.am.sinapsedainovacao.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

 

document.currentScript.parentNode.insertBefore(s, document.currentScript);