Funcionários retomam estudos no CIDE

Estudantes começam o curso, acompanhados por professor e pedagoga
Estudantes começam o curso, acompanhados por professor e pedagoga

 

Na noite da segunda-feira, 16, o Serviço Social da Indústria (SESI/AM) e o Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE) deram início ao curso de Ensino Fundamental e Médio aos colaboradores das empresas instaladas na incubadora. A iniciativa faz parte de uma parceria entre as duas instituições.

A sala de aula está instalada no próprio CIDE para facilitar a frequência dos estudantes depois da jornada de trabalho. “É um ato humano o que o SESI e o CIDE estão fazendo. Estamos oferecendo a oportunidade da conclusão dos estudos fundamentais a esses jovens para que eles possam melhorar sua formação e contribuir com o crescimento do nosso Estado”, diz o diretor executivo da incubadora, José Barbosa Grosso.

Aproximadamente 25 colaboradores fazem parte da primeira turma que começou a primeira noite de aulas com as matérias de matemática e física, depois de receber uniformes escolares e material didático gratuitamente da equipe do SESI/AM.

SESI12

SESI13

SESI14

SESI15

SESI16

Profissionais do SESI dão orientação postural a gestores e funcionários

Foto40Fisioterapeutas, nutricionistas e educadores físicos do Serviço Social da Indústria (SESI) voltaram ao Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE), para realizar orientações de postura, de nutrição, medir a altura e o Índice de Massa Corporal (IMC) dos gestores e funcionários das empresas instaladas na incubadora. As atividades aconteceram nos dias 6 e 7 e deram continuidade ao Circuito do Bem-estar, programa que faz parte do Lazer Ativo.

Segundo o educador físico Enio, as orientações realizadas podem prevenir doenças. “Estamos identificando pessoas que possam estar acima do peso, com problemas de postura para que possamos realizar um atendimento personalizado no CIDE”, diz.

As orientações vão ocorrer ao longo da semana. “Temos de pensar também, na saúde dos funcionários que trabalham nas empresas incubadas e esperamos que eles sigam as orientações dos profissionais do SESI”, acrescentou o diretor executivo do CIDE, José Cunha Barbosa Grosso.

Foto: Funcionária de empresa incubada é atendida por profissional do SESI

Lazer Ativo do SESI no CIDE

exercicio1capaO Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE) convidou o educador físico, Ennio Luzeiro, e a fisioterapeuta Denise Ramos, para apresentar, na manhã de hoje, 10, no auditório da instituição, o programa Lazer Ativo do SESI aos empreendedores instalados na incubadora e a seus funcionários.

Durante trinta minutos, quase cinquenta funcionários e administradores de empresas tiveram a oportunidade de realizar uma sessão de exercícios físicos que podem prevenir problemas de postura, obesidade e estresse. “A ginástica laboral é um dos serviços principais do Lazer Ativo. Os professores e profissionais da área de Educação Física visitam as empresas para realizar sessões de exercício físico, como alongamentos, na prevenção de doenças ocupacionais”, diz o coordenador do programa, Ennio Luzeiro.

Para o diretor executivo do CIDE, José Cunha Barbosa Grosso, a implantação do programa Lazer Ativo nas empresas incubadas, vai trazer benefícios aos funcionários, aos gestores e às empresas. “Trata-se de um trabalho importante, visando o bem-estar dos funcionários que vão participar das sessões de exercícios físicos, prevenindo problemas físicos e criando novos hábitos alimentares e de ações durante a execução de suas atividades”, destaca Grosso.

Segundo a fisioterapeuta Denise Ramos, o programa Lazer Ativo do SESI permite que o trabalhador melhore sua qualidade de vida. “O programa vai além do local de trabalho porque o funcionário ou trabalhador poderá compartilhar com seus familiares esses exercícios físicos e os conhecimentos apresentados nas palestras”, lembra.

O programa Lazer Ativo é baseado em um Diagnóstico de Estilo de Vida dos trabalhadores, evitando problemas do coração, diabetes, derrames cerebrais e câncer. Com profissionais saudáveis, as indústrias reduzem o índice de absenteísmo e aumentam a produtividade.

Foto: Funcionários das empresas incubadas e funcionários da administração do CIDE participam de uma sessão de exercícios físicos.