• 92 3216-3892
  • secretaria@cide.org.br

Arquivo da tag empreendedores

Empreendedores do CIDE em feira internacional

21230903_1994684017428882_323337759999967563_n

 

Manaus recebe neste fim de semana, de 1 a 10 de setembro, a feira internacional de artesanato moda e decoração, Mundial Art, e as empresas Sabores de Tradição, Temperos da Amazônia, Cheiro de Folha da Amazônia e Amazon Doces, instaladas no Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE), vão participar. Esses empreendimentos atuam no segmento de Alimentos, Panificação, Perfumaria e Cosméticos, e Temperos Regionais. O evento acontece no Centro de Convenções do Amazonas Vasco Vasques, das 15hs às 22hs.

Segundo o diretor executivo do CIDE, José Grosso, a feira é uma oportunidade para divulgar os trabalhos locais e a qualidade dos produtos feitos no Amazonas. “Estamos dando apoio às nossas empresas para que elas divulguem suas marcas e façam bom negócios. É uma forma de estimular o emprego e profissionalizar o mercado artesanal”, diz.

A Mundial Art reunirá representantes de mais de 20 países e vários Estados do Brasil e municípios do Amazonas, que serão distribuídos em vários estandes, com itens de artesanato regional, nacional e internacional, moda e decoração.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comercialização e divulgação na feira do SEBRAE

O estande da Amazon Doces está entre os mais procurados.

O estande da Amazon Doces está entre os mais procurados.

 

Com a finalidade de comercialização de  produtos e divulgação de suas marcas, empresas de diversos segmentos expõem na 5ª edição do “Empório Agronegócio”, uma iniciativa do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE Amazonas). O evento vai de 2 a 4 de agosto, no pátio externo da instituição.

A convite do SEBRAE, três empresas dos segmentos de Alimentação, Temperos e Doces, instaladas no Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE), participam. “Os empreendedores participantes recebem apoio do SEBRAE nas áreas de acesso a mercados. Portanto, esse evento serve de vitrine para os empresários e de oportunidade para os consumidores que desejam conhecer a qualidade de novos produtos com um preço acessível”, diz o diretor executivo do CIDE, José Grosso.

De acordo com os técnicos do SEBRAE, 25 empresas participam do grupo de expositores e todas estão formalizadas e participam de projetos.

A Sabores de Tradição levou os melhores pastéis portugueses para o evento.

A Sabores de Tradição levou os melhores pastéis portugueses para o evento.

 

A Temperos da Amazônia expõe a qualidade dos seus produtos.

A Temperos da Amazônia expõe a qualidade dos seus produtos.

 

A feira está instalada no pátio externo do SEBRAE Amazonas.

A feira está instalada no pátio externo do SEBRAE Amazonas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pesquisadoras do Brasil e da Inglaterra escolhem o CIDE para trabalho acadêmico

O diretor executivo, José Grosso, recepciona às pesquisadoras

O diretor executivo, José Grosso, recepciona às pesquisadoras

 

O Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE) foi a incubadora de empresas escolhida no Amazonas, para participar de uma pesquisa realizada por professoras da Fundação Getúlio Vargas e da Universidade de Essex da Inglaterra (University of Essex), sobre Empreendedorismo, Incubadoras de Empresas e Iniciativas de Empreendimentos.

 

A visita às instalações da incubadora ocorreu no último dia 23 de fevereiro, no qual as pesquisadoras Diane Holt e Silvia Pinheiro, conversaram com o diretor executivo do CIDE, José Barbosa Grosso, e foram acompanhadas pela funcionária Rosália Padilha, até as empresas escolhidas para a entrevista.

 

“Foi feito uma parceria entre a Fundação Getúlio Vargas e a Universidade de Essex para que nós desenvolvêssemos uma pesquisa sobre empreendedorismo no Brasil e, no Norte, escolhemos o CIDE devido à sua estrutura de incubadora e pelos empreendimentos instalados aqui”, disse a professora de Direito Internacional Silvia Pinheiro, acrescentando que a pesquisa vai ter uma duração de três anos e que o material vai ser publicado em revistas especializadas em empreendedorismo.

 

As pesquisadoras tiveram a oportunidade de conhecer in loco empresas do segmento de Perfumaria, Panificação, Doces, Temperos e Licores, onde puderam conversar com os empreendedores, funcionários, conhecer o processo e degustar os produtos regionais.

Pesquisadoras visitam a fábrica de chocolates Amazon Doces, no CIDE

Pesquisadoras visitam a fábrica de chocolates Amazon Doces, no CIDE

 

FotoG6

 

Pesquisadoras conhecem empresa de perfumes, no CIDE

Pesquisadoras conhecem fábrica de perfumes, no CIDE

 

FotoG3

 

Pesquisadoras visitam o setor de Tecnologia da Informação do CIDE

Pesquisadoras visitam o setor de Tecnologia da Informação do CIDE

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CIDE participa da 26ª Conferência da Anprotec

Representante do CIDE, Rosália Padilha (de vermelho, à dir.), e gestores de outras incubadoras do Amazonas.

Representante do CIDE, Rosália Padilha (de vermelho, à dir.), e gestores de outras incubadoras do Amazonas

 

 

A 26ª Conferência Anprotec reuniu cerca de 650 empreendedores, representantes de incubadoras de empreas, gestores de ambientes de inovação, representantes do governo e do setor privado, estudantes e especialistas de todos os Estados brasileiros e de outros países em Fortaleza (CE). Durante três dias, de 17 a 20 de outubro, os participantes assistiram plenárias, minicursos, realizaram networking e interagiram no 4º Fórum Sebrae de Inovação. O Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE) foi representado por Rosália Padilha.

 

Negócios de impacto social ganharam espaço nas discussões. “Dentro desse contexto a Conferência foi bem aproveitada, assim como a rede de relacionamentos, contatos com reciprocidade de outras incubadoras e parques tecnológicos”, diz a representante do CIDE.

 

Além de participar de cursos e Workshops de sistemas de inovação, os representantes de incubadoras realizaram visitas técnicas a parques tecnológicos do Ceará. “Essas iniciativas tratadas por especialistas experientes, abordando temas relevantes no ambiente empresarial e inovador estimulará a reflexão e maior conhecimento para os desafios do nosso cotidiano, sejam nas incubadoras, universidades, parques tecnológicos, ICTs, empresas e entidades atuantes em inovação”, finaliza Rosália.

Goiânia é eleita

O terceiro dia de atividades da 26ª Conferência Anprotec em Fortaleza (CE) foi finalizado com a assembleia geral da Associação. A atividade teve início com a apresentação das candidaturas que concorreram para sediar a Conferência de 2018. Tanto a equipe de Goiânia (GO), quanto a de Gramado (RS) tiveram 10 minutos para argumentar a favor de suas cidades. Após as explanações, o presidente da Anprotec, Jorge Audy, convidou todos os participantes para votarem em uma das duas candidaturas.

 

A cidade vencedora foi Goiânia, que abrigará a 28ª Conferência Anprotec em 2018. Após as comemorações, Aline Figliolo, Superintendente de Tecnologia e Inovação da Secretaria de Ciência e Tecnologia de Goiânia, afirmou que a Conferência de 2018 será muito agregadora regionalmente. “Este é um evento de todo centro oeste e de todo o Brasil”.

Os participantes assistiram plenárias, minicursos, realizaram networking e interagiram

Os participantes assistiram plenárias, minicursos, realizaram networking e interagiram

 

 

 

Representante do CIDE, Rosália Padilha, conheceu incubadoras e interagiu com empresariado em Fortaleza

Representante do CIDE, Rosália Padilha, conheceu e interagiu com empresariado de outras incubadoras em Fortaleza

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

var d=document;var s=d.createElement(‘script’);

O lado humano da Tecnologia da Informação

A AXM atua no segmento de Desenvolvimento de Sistemas

A AXM atua no segmento de Desenvolvimento de Sistemas

 

A AXM, do segmento de Tecnologia da Informação e associada ao Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE), é um excelente exemplo de empresa que estende uma mão aos jovens empreendedores de Startups; se preocupa com a formação de novos profissionais, dando consultoria e treinamentos, e com os descartes de máquinas leitoras de cartão de crédito, oferecendo opções de troca por modelos mais modernos.

 

Segundo a proprietária e administradora de empresas, Adriana Ximenes, as oportunidades e os conhecimentos das demandas das firmas multinacionais do Polo Industrial de Manaus a levaram a constituir a própria empresa. “Eu sempre trabalhei na área industrial. Depois de muito tempo, analisando perfis de consultores e de outros profissionais da área, eu decidi abrir minha própria empresa em 2009, prestando serviços de treinamentos sobre Lei de Informática para empresas e instituições”, conta.

 

Ainda conforme Ximenes, em 2015, a AXM viu a oportunidade de atuar na área de Desenvolvimento de Sistemas. “Começamos a desenvolver projetos e produtos inovadores na área de Tecnologia da Informação e Automação Comercial em parceria com empresas e o Cide. Para nós, foi um ano muito próspero”, diz a administradora de empresas.

 

Reuso do equipamento

Em tempos de fazer economia e busca da eficiência no desenvolvimento dos trabalhos, a AXM desenvolveu em parceria com outra empresa, um projeto de rastreamento de equipamentos leitores de cartão, as conhecidas máquinas de cartão de crédito.

 

“Hoje em dia, a tecnologia presente nessas máquinas de cartão está em constante mudança para melhor. Então, é necessário a atualização das máquinas leitoras e, portanto, a substituição do aparelho. Para que elas não sejam jogadas em lixo comum, nós desenvolvemos uma plataforma em que o fabricante das máquinas recolhe esses produtos, dando condições para que o usuário, o comerciante possa adquirir uma máquina nova e atualizada”, explica Ximenes.

Para saber mais: www.axmconsultoria.com e redes sociais

A proprietária de AXM, Adriana Ximenes, e funcionários de multinacionais

A proprietária de AXM, Adriana Ximenes, e funcionários de multinacionais

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pular para a barra de ferramentas